Terça-feira, 16 de Dezembro de 2008

Já os vi começarem por menos

Visivelmente incomodado com as análises que lhe atribuem a intenção de criar um novo partido político, Manuel Alegre apressou-se a esclarecer não ser esse o seu propósito, até porque «nem um partido se faz assim», disse.

Claro que toda esta animação que percorre 'as esquerdas' pode muito bem, no futuro, vir a «desembocar num partido», mas isso é algo completamente diferente e imprevisível. 

Nós sabemos como estas coisas acontecem, hoje uma festa, amanhã uma reflexão, partilham-se umas palavras de ordem, há uma química no ar, e zás! Quando damos por nós ele aí está, o novo partido. No fundo, quem nunca desembocou num partido que atire a primeira pedra.

por SF às 12:05
link do post | comentar

Últimas

Palpite

Começo a achar que o Sócr...

Falsa modéstia

Quando pensávamos que já ...

Haja Fé

PSD: o desafio da próxima...

Porque amanhã é Sexta...

Primeiro estranha-se...

Parabéns, conseguiram!

Power Rangel

Está o professor cheio de...

Como é evidente

Desabafo

Parafraseando

...

Comentários recentes

diclofenac (http://voltarengel.ga/#6511), [url="ht...
levitra (http://generic-levitra.biz/#4498), [url="...
hydrochlorothiazide (http://microzide.cf/#1268), [...
tadalafil (http://buy-tadalafil.cf/#5714), [url="h...
levitra (http://generic-levitra.cf/#9176), [url="h...
mobic (http://mobicmedication.tk/#4617), [url="htt...

Pesquisar

 

Arquivos

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Sugestão do Baixo Alentejo

Visite

Ler de alto a baixo

blogs SAPO